Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Anãozinho de Jardim

Livros e Desvarios

O Anãozinho de Jardim

Livros e Desvarios

A Teia de Luz – A Queda de Atlântida Vol 01 – Marion Zimmer Bradley

30.01.19, Helena R. Moisio

AJ_blogue_3.jpg

Consultar aqui

Muito antes de existirem Cassandras Clares, Sarahs J. Maas, Gena Showalters, J.R. Wards ou autores afins existia a grande Marion Zimmer Bradley, que para mim sempre foi a minha grande autora de referência e a minha grande fonte de inspiração. E antes que me perguntem, sim eu conheço as acusações relativas ao alegado abuso de menores e digo alegado porquê? Bom, desde logo porque acusar mortos é sempre uma boa saída para qualquer problema. À partida dificilmente responderão sem ser numa sessão espírita ou através de uma tabuinha de ouija. Acusar vivos é sempre algo mais complicado já que estes têm o péssimo hábito de ripostar e isto - na generalidade dos casos - torna a vida dificil para toda a gente. Vá, no mínimo é chato. 

 Tirando o acima exposto, para mim ela continua a ser uma referência não só pelo seu trabalho publicado e pela sua forma de contar histórias,  como também na sua luta pela defesa dos direitos das mulheres. 

Ora bem, uma vez esclarecida a minha posição, em 2016 eu já tinha aqui publicado O Presságio de Fogo (livro que adoro), os Ancestrais de Avalon  e em 2017 publiquei A Casa da Floresta. Hoje trago-vos A Queda da Atlântida, que nos conta a história de Domaris e Deoris, duas irmãs da casta de sacerdotes que levam uma vida tranquila no templo da Terra Antiga até que, de repente, aparece um estranho e a partir daqui a vida das duas toma um novo rumo.

 

Trata-se de um bom livro que merece ser lido, pelo que vos deixo esta sugestão de leitura.

Maledicência

28.01.19, Helena R. Moisio

ma·le·di·cên·ci·a
substantivo feminino
1. Qualidade de quem é maledicente.

2. Acto de dizer mal.


"MALEDICÊNCIA", in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://dicionario.priberam.org/MALEDIC%C3%8ANCIA 

Basicamente, aquilo que dá vontade de fazer quando encontramos no Top da FNAC o seguinte livro:

AJ_blogue.jpg

E o mais giro ainda é a pedância com que a suposta "Autora" é caracterizada: "(...) a personalidade mediática mais influente do país e a mulher mais poderosa de Portugal, ajudará as pessoas a melhorarem as suas competências no inglês (...)". Portanto, a personalidade mais influente do país e mulher mais poderosa de Portugal - num acto magnânime de generosidade e sapiência - vai ajudar as pessoas (no geral) a melhorarem as suas competências numa língua estrangeira, ao adquirirem o seu livro por uns módicos 17,70 €.

Boa!

Pág. 1/3